sexta-feira, 23 de abril de 2010

Para quê?

Para quê sugar uma mentira pra ser verdade?
Para quê?
Para quê um tristonho olhar quando se quer um sorriso rasgado?
Para quê?
Para quê, se se procura espezinhar, quando podia ser uma mão amiga?
Para quê?
Para quê não ter o que comer, onde comer e vestir o que não devia, devia?
Para quê?
Para quê parecer se não se pode ser?
Para quê?
Para quê se nada do que se faz é suficiente para se ser bom?
Para quê?
Para quê trabalhar e nada ter.
Para quê?
Para quê esforços e não se ter glória?
Para quê?
Para quê se querer um vida melhor e não viver?
Para quê? Para quê?
Para Nada!

3 comentários:

Geraldo Brito (Dado) disse...

Para se meter numa armadilha...
Parabéns pelo blog!

Gigi disse...

O que é a mentira? O que é a verdade?

Miguel Almeida disse...

A mentira, é a verdade de alguém.