domingo, 27 de setembro de 2009

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Importa, não é?

Nada mais importa do que um beijo, não é?
Nada mais importa do que ser feliz. Não é?
Se tudo na vida, for um beijo.
Então que seja. Porque nada mais importa.
Hoje um beijo,
Amanhã, uma vida.
A dois.
Importa, não importa?

sábado, 19 de setembro de 2009

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Apaixonar...

...não tem cor, nem tem cheiro,
nem tem corpo para se lhe pegar.
Forte e sentido.
Quente e húmido, como um beijo de apaixonados,
fugaz, mas eterno nos corações.
Se à língua se provar o seu nome,
Então não morro ignorante.
Morro sabendo o que é a palavra,
Amor.

Dedico este poema a uma mulher que todos os dias está comigo, a minha Madrinha.

terça-feira, 8 de setembro de 2009

sábado, 5 de setembro de 2009

Digo...

Digo que não,
Digo que sim,
Mas não.
Não consigo disfarçar a tristeza com mil cores
Nem enganar a quem amo com um sorriso apenas.
Quero gritar e dizer que te amo. Mas não.
Não posso. E nem quero.
És feliz como és. E és feliz com quem estás.
Só isso é que importa.
Se fosse o amor justo,
Estavas tu comigo e não sozinho.
Mas isso…era se eu fosse egoísta.
O que não sou. Se fosse…
Era diferente. Mas não sou.

Queria dizer que sim,
Mas na verdade, não é.
É assim a vida, não é?